Dança de Salão

A dança de salão ou dança social surgiu na Europa, na época do Renascimento. É chamada de dança social por ser praticada por pessoas comuns, em festas de confraternização, estreitando as relações sociais de amizade, de romance e outras.

E de salão, porque requer salas amplas para os dançarinos fazerem livremente suas evoluções e porque foi através da sua prática nos salões das cortes reais europeias que este tipo de dança foi valorizado e divulgado pelo mundo todo e transformando-se num divertimento muito popular entre diversos povos.

A dança de salão chegou ao Brasil trazida pelos colonizadores portugueses e por imigrantes de outros países da Europa que para cá vieram.

Num país como o Brasil, com tão fortes influências culturais, não tardou a se mesclar contribuições dos povos indígenas e africanos, num processo de inovação e modificação de algumas das danças europeias importadas, bem como de surgimento de novas danças, bem brasileiras.

Atualmente no Brasil, sete ritmos são os mais praticados, tanto nos bailes quanto nas escolas especializadas, sendo eles: bolero, soltinho, samba, forró, lambada/zouk, salsa e tango.

Benefícios

 - Melhora a postura e equilíbrio.
 - Auxilia na prevenção da osteoporose.
 - Trabalha pernas, coxas, glúteos e abdome
 - A atividade pode ser praticada independentemente de idade, peso e altura.
 - Melhora os sistemas cardiovascular e respiratório, aumenta o fluxo sanguíneo, ativa o sistema linfático e ainda ajuda nas defesas do organismo.

Onde Estamos

Rua Gamboa 307, Paraíso
CEP:09190380
Santo André - São Paulo
Tel: 11 2324-3704
Email: contato@academiaethos.com.br

Veja o Mapa